.

Os Enjôos começaram...

|
Os enjôos começaram principalmente no ônibus.
Estava tão feliz achando que não os teria...
Comecei então a tomar dramim, conforme o médico receitou.
As glicemias estão até bem controladas apenas ontem (19/04/2012) que tive dois picos de 300mg/dl, de resto de 90mg/dl á 155mg/dl.
Minha glicada caiu de 9,4% para 7,8%.
Glória á Deus por isso! Estou muito feliz!
Sinto-me mais segura, este bebê me trouxe maturidade e autoconfiança, já estava me sentindo uma imbecil com o diabetes, cuidava, cuidava e nada, e ainda tinha que olhar a cara dos outros achando que eu mentia quanto aos cuidados que tinha com a doença.
Minha família se aproximou, temos nos falado mais. Todos querem como o bebê está, e depois perguntam de mim. Tudo bem até eu queria saber como de fato ele está, por que pode parecer “doidice” minha mais ainda parece que estou sonhando.
Dia 27/04/2012 será minha primeira ultrassom, não vejo a hora de vê-lo, mesmo que ainda não consiga identificar nada (kkk).
 Eu particularmente queria uma menina, a Laura. Mais se vier um menino também amarei a torcida para todos os lados é pra um menino. Só eu e meu marido queremos uma menina. Pra menino não definimos o nome. Ontem foi a primeira vez que o Anderson conversou com o bebê, é engraçada esta situação, por que por enquanto só enxergo as banhas (kkk) e não consigo pensar que tem um bebê dentro de mim.
Senti vontade de comer bolo de fubá, daqueles bem sequinhos que esfarela. Não posso dizer que foi um desejo de grávida, por que de vez em quando sentia estas vontades.
Talvez o meu desejo agora seja de comer um churrasquinho de gato, kkk. Perto do Metrô Jabaquara vi um tiozinho vendendo q boca encheu de água mais não pude me render, o cheiro era bom mais a situação caótica. Um monte de senhores ao redor tomando 51 e babando em cima da farinha (kkk).
Comecei a falar com o bebê, é tão gostoso! Agora entendo amor de mãe, já amo esta coisinha como se ele já estivesse em meus braços.
O bebê já ganhou alguns mimos. No dia em que disse para o Anderson da gravidez comprei um par de luvas amarelas (13/04/2012), meu pai deu um enfeite, um sapatinho de vidro (14/04/2012) e minha irmãzinha deu uma chupeta.
Agora mais do que nunca faço caminhadas, pois exercício físico é um forte aliado.
Ele está deste tamanhinho agora:

Li na internet que:
Ao fim do 1º mês, o seu bebê mede 4-5 mm, pesa menos de 1g e tem o nome de embrião.
A cabeça já se destaca do tronco e podem-se distinguir o esboço dos olhos, das orelhas e da boca, assim como do estômago, do fígado, do pâncreas, dos pulmões, do intestino e do sistema urinário.
Um coração rudimentar começa a bater por volta do 25º dia, fazendo circular o sangue no embrião através de um sistema provisório e autônomo.



Ai meu Deus! Meu bebê tem sangue nas veias!
Tenho falado com minha endócrino a cada dois dias, dia 24/04/2012 passarei com a nutricionista e retorno com o ginecologista.
Me surgiu uma dúvida e fui pesquisar.
Por que não é bom termos hipos com grande freqüência na gestação?
Caso não corrigida rapidamente, a glicemia pode ficar cada vez mais baixa. Hipoglicemias severas podem levar a danos neurológicos.
Deve-se tomar cuidado com hipoglicemias durante a gestação. Quando elas acontecem, há aumento nos hormônios contra-reguladores (que aumentam a glicose), além da ingestão de alimentos ricos em açúcar. Isto pode causar hiperglicemia, que pode trazer conseqüências para o feto e a mãe. Defeitos neurológicos podem ocorrer em fetos de mães que apresentam hipoglicemias severas muito freqüentes.
É importante tomar cuidado com pessoas com diabetes e insuficiência renal. Neles, a insulina passa mais tempo na circulação, antes de ser eliminada pelo rim. Isto aumenta o risco de hipoglicemia.
Tenho dialogado com outras mães DM1, tem me feito um bem...
Enfim...
O médico (ginecologista) me receitou os seguintes remédios:
DAMATER - Vitaminas (ácidos fólico e afins)
Buscopam Duo (todas as dores que eu sentir abaixo do pescoço)
Dramin B6 (1 cp antes das refeições para os enjôos)
Tylenol (para dores acima do pescoço)


Nenhum comentário:

Postar um comentário