.

Consulta frustrante...

|
Hoje acordei animada para minha consulta com a endocrino, adoro ir para a clínica, rever as recepcionistas, o pessoal da faxina,da copa, da segurança,enfermagem, equipe médica...São quase 8 anos lá, fiz amigos pessoais que vêm na minha casa, que trocamos confidências... Revê-los é sempre uma benção.

A consulta era 8:40, levantei as 5:20, fiz meu ritual de DM, me aprontei e fui pro ponto de ônibus. Peguei um mega trânsito para chegar lá, esperei  bastante tempo para ser chamada,enquanto isso fazia novos amigos na sala de espera.

Ao chegar na sala, revi minha adorada médica, ela com aquele jeito humano,caloroso e delicado fez com que eu me tornasse a paciente que sou hoje... Porém quando ela viu que minha glicada subiu de 6,4% para 7,1% ficou muito desapontada, por mais que estivesse dentro "da média", subiu e subiu consideravelmente. Dentro de mim eu sabia os motivos entre eles:

-Menos exercícios físicos,

-Novo trabalho, tenho trabalhado menos fora, tô mais home office,  porém quando vou in loco é muito desgastante, de tirar meu couro srrs. Tenho menos tempo para medições, para comer e etc, tive que tomar muito cuidado com as hipos e isso fez com que tivesse hipers e por ai foi,

- Fiquei doente,

-Tive hipers sem explicação, troquei cânula, fiz contagem de CHO ,correções e nada... Gente! Como eu odeio quando isso acontece, quando esta bendita diabetes me faz de palhaça.

Confesso que quando vi o resultado da glicada pela internet  já tinha me chateado, algumas pessoas me disseram que estava bom, mais eu não estava feliz, tenho um medo dentro de mim, medo de voltar a ser a paciente com glicada acima de 10%,medo de perder o controle da situação,medo de deixar me envolver com meus problemas e cuidar menos do DM, medo das sequelas, medo de me acostumar com a glicada subindo, eu tenho meus medos... Por mais que eu saiba quem sou e blá (e tudo o que a psicologia possa explicar) eu tenho meus medos,minhas fragilidades... E não me envergonho disso...

Se vocês verem meus exames dá gosto de ver, como trabalho com catalogação não poderia ser diferente... Tudo em ordem cronológica os mais antigos encadernados (eu não os jogo fora), os que não encadernei estão em pastas muito bem organizado e identificados, toda e qualquer pessoa aqui de casa sabe onde estão meus exames e como estão arrumados... Nisso me orgulho, é bonito de ver.

Minhas planilhas de controle são organizadas por ano, de dezembro á janeiro, encadernadas ou em pastas com caneleta.

Dizem que sou perfeccionista por ser virginiana, eu não acredito em signos mas quem sabe... Ser tão controlada ou controladora, defina como quiser, não me dá vazão ao que houve...

Quando vi o desapontamento da minha médica, juntei com o desapontamento que eu estava, a consulta acabou pra mim ali, conversamos e eu nem me lembro mais sobre o que...

Na volta para casa encostei a cabeça no vidro do ônibus e fiquei pensando por que me frustrei tanto. Me frustrei pelos medos acima citados;
Me frustrei pois parece que por um período perdi as rédeas da minha vida, as explicações acima não me pareceram plausíveis;
Me chateei por que no DM ainda não admito pequenos fracassos (ponto a melhorar);
Me frustrei por notar o tamanho do desapontamento da médica e talvez por ter achado que ela não teve uma certa sensibilidade para compreender meus motivos ou melhor os motivos do DM também... Talvez minha chateação foi por que ela nunca tivesse tido esta atitude, não queria ser regada de elogios, queria apenas compreensão, por que eu já sei e tenho noção de onde preciso melhorar, sou uma paciente consciente... Não estou condenando sua postura, estou relatando como me senti, por que a amo e confio planamente em seu trabalho, tanto que estamos juntas há 8 anos...

De repente o filme da minha gestação passou em minha cabeça...Cada consulta levava uma bronca dos demais envolvidos no meu caso por ter tido uma hiper , parecendo que eu era culpada sempre... A única que me acolhia era minha endocrino, ela compreendia e por que agora ela foi diferente? Lembro que na gestação eu só precisava de um chicote para auto-flagelação , eu sabia que não era culpada, mas queriam que eu me sentisse assim...

E por aí vai...

Me senti na fogueira da inquisição...


Imagem retirada da internet,só acrescentei a legenda da mesma.


A agenda da endocrino não está aberta por isso não marquei retorno, meu plano de saúde anda uma tranqueira, sempre lotada, ficarei tentando agendar... Por vias das duvida sai com uma guia para os próximos exames para novembro.

Depois da consulta passei o dia numa moleza,cansada... Me arrastando...

Parece tempestade num copo d' água? Pode ser!

Amanhã estarei melhor? Com certeza!

Quais meus planos? Desde do dia 08/09 já começaram, voltar a me exercitar mais, olho na alimentação e etc...

A vida com o DM é uma montanha russa, altos e baixos, hoje eu só quero  que hoje passe, e eu que continue com minha meta de voltar a glicada para a casa dos 6%... Com menos cobranças, ou não... Mais com a consciência de sempre, preciso de uma glicada em dia por que quero ter saúde e vida pra criar meus filhos e gerar uma nova vida.

Nossa Doce Vida.


Aproveito este post para deixar abaixo o link que mostra os modelos das planilhas de dextro que usei e uso atualmente.

http://diabetesevoce.blogspot.com.br/2013/06/minhas-planilhas-de-controles-da.html

Obrigada por me "escutarem"...











Um comentário:

  1. Oi Kath, na quarta conversaremos melhor, mas não se sinta assim, todos estamos sujeitos a altos e baixos na vida, não existe perfeição. Na minha opinião apesar de ter subido a sua glicada, ainda assim está dentro da meta e perfeitamente normal para o período conturbado pelo qual você passou. Talvez a Dra não estivesse em um bom dia e por isso teve esta atitude. Não se cobre tanto, afinal você sabe exatamente o que deixou de fazer e isto é importante. Conversamos melhor na quarta. Bjs

    ResponderExcluir